Itec e Assespro entram em acordo sobre o termo de contratação de Fábrica de Software

Itec e Assespro entram em acordo sobre o termo de contratação de Fábrica de Software

A presidência do Instituto de Tecnologia e Inovação (Itec) recebeu representantes da Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação de Alagoas (Assespro) para conversar sobre a futura contratação de fábrica de software.

O termo gerou algumas dúvidas da Assespro, no sentido de achar necessário um prazo maior, que permita a participação das empresas locais. Ao saber desta necessidade excepcional, o presidente do Itec, Luciano dos Santos, convidou a Associação para uma reunião no intuito de buscar uma alternativa para atender os interesses da entidade, desde que tenham respaldo legal.

“O presidente do Itec nos chamou para conversar para tentarmos alinhar esse mal entendido, pois houve um mal entendido sobre o que era o edital e o que foi entendido. Como o problema era principalmente relacionado ao tempo, então conseguimos, conversando, um acordo com o Itec para viabilizarmos, juntos, um tempo maior para que as empresas locais tenham condição de participar do processo também” explicou João Mortari, diretor de software da associação.

Ainda de acordo com o diretor da Assespro, o próximo passo será a definição de uma data que seja tão favorável aos interesses do Instituto quanto das empresas locais de TI. “Ficamos de fazer uma consulta aos associados para chegarmos a um acordo quanto ao prazo que seria bom para ambos os lados e que permita as empresas locais participarem desde que essas atendam todas as necessidades do termo de referência” finalizou João Mortari.

itec-assespro1

De acordo com o presidente do Itec, Luciano dos Santos, a solicitação da Associação em relação ao prazo poderá ser acatada, pois não prejudica os demais participantes nem interfere no andamento do processo, contudo tão logo seja formalizada pela Associação, será submetida à Procuradoria-Geral do Estado para avaliação.

“Nós fizemos o primeiro documento e ele contempla todos os requisitos técnicos, respaldado pela legislação existente. Como a solicitação da Assespro não vai interferir nem prejudicar outros concorrentes, é possível que seja feita. Então, entendendo e até reiterando a palavra do diretor da Assespro, João Mortari, de que o pedido é em relação a prazo, isso é factível e será providenciado”, explicou o presidente do Itec.

Na reunião, o presidente do Itec reiterou o convite, feito há alguns meses, de que aconteçam encontros periódicos da equipe do Itec com a Assespro, para que haja uma participação efetiva da classe nas políticas de tecnologia no Instituto, o que foi aceito pelo diretor da Associação.

Além do presidente do Itec e do diretor da Assespro João Mortari, também participaram da reunião o assessor técnico de sistemas de informação e integração corporativa do Instituto, Luiz Eugênio Barroca, e Reinaldo Cabral, empresário do setor.

Fonte: Ascom Itec

Compartilhar